Sabores de Camila au pair

 

Sexta-feira, 18 de Março de 2011

Um lugar chamado Livermore

Esse eh o o nome da minha nova cidade. Ou melhor, da cidade onde estou morando desde fevereiro. Com pouco mais de 80 mil habitantes, ela oferece servicos e opcoes de lazer que normalmente nao encontramos nas pequenas cidades brasileiras. Dezenas de restaurantes - com comida de diversas partes do mundo - infelizmente nao brasileira - cafeterias, cinema com dez salas, teatro, galeria de arte, universidade, parques...

 

Eu moro a poucas ruas do centro da cidade e com exceção da universidade, vou a esses locais caminhando.

 

A universidade chama-se Las Positas. Assim como o nome dessa instituicao, varias cidades aqui na California vem do espanhol. San Francisco e Los Angeles sao dois exemplos. Isso porque a colonizacao espanhola na America passou pelo atual territorio dos Estados Unidos.

 

Voltando a Livermore, a cidade fica a uma hora da praia, 40 minutos de San Francisco e poucos minutos de diversas outras cidades com o mesmo perfil: Pleasaton, Dublin, San Ramon...

 

O sol aparece todos os dias por aqui, mesmo em dias de chuva.

 

O custo de vida, como em toda California, eh mais alto que na maior parte dos Estados Unidos. Mais alto que em Atlanta por exemplo, onde morei anteriormente.

 

 

 

 

Imagem do teatro de Livermore, Bankhead Theater

 

publicado por Sabores de Camila au pair às 02:04
Terça-feira, 15 de Março de 2011

De repente California (2)

Bandeira do estado da California

 

 

A musica "De repente California" - post anterior - nao descreve exatamente o que vim fazer na California, nao vou ser estrela de cinema, nem viver a vida sobre as ondas. Vida de au pair eh "um pouco" diferente. Mas, a cancao de Lulu Santos ilustra a sensacao que tive ao encontrar uma familia nesse estado que, acreditem, tem um "Q" de especial.

 

Estava me recuperando de uma bronquite e da noticia da assitente do meu antigo host de que eles ja tinham alguem que ficaria com a familia Mays por tempo indeterminado e que de repente renunciaria folgas pra cuidar das criancas, quando recebi o telefonema da host mother da familia dois. Nao foi o meu host da familia 1, o Sr. Mays, que me "demitiu". Foi uma funcionaria dele. Ele me ligou quando eu estava no Brasil pra falar sobre a sua familia e me encorajar a ser au pair em sua casa. No entanto, nos EUA, ela comandava... quando ela terminava todas as suas outras obrigacoes, lembrava que tinha que me pagar ou me ajudar com outra coisa pra atender uma necessidade da familia.

 

Por telefone, em Atlanta, conheci melhor a minha atual host family: mother e father que tiveram au pair antes de mim - eu fui a primeira e provavelmente unica da familia Mays; moram em uma cidade pequena a 40 minutos de San Francisco e 1h da praia, tem duas criancas - meninas gemeas com 2 anos e 2 meses. Tudo novo e diferente! Para alguns, pareceria loucura. "Duas meninas com dois anos? Voce vai precisar de um calmante de vez enquando." Pra mim, pareceu doce. Quando vi a foto das meninas, me derreti toda.

 

Embarquei no dia 3 de fevereiro. Depois de 5 horas de voo, la estava eu, em San Francisco. A nova host estava no aeroporto, me esperando. Era um dia de chuva... La de onde eu venho, isso soa como um bom sinal, como uma bencao.

 

Ja na casa nova, depois de conversar um pouco, brincar com as meninas e jantarmos, dormi. Minha primeira noite na California... Dormi, como nao dormia a 15 dias.

publicado por Sabores de Camila au pair às 19:05
Terça-feira, 15 de Março de 2011

De repente California

 

 

Garota, eu vou pra Califórnia
Viver a vida sobre as ondas
Vou ser artista de cinema
O meu destino é ser star
O vento beija meus cabelos
As ondas lambem minhas pernas
O sol abraça o meu corpo
Meu coração canta feliz
Eu dou a volta, pulo o muro
Mergulho no escuro, salto de banda
Na Califórnia é diferente, irmão
É muito mais do que um sonho
A vida passa lentamente
E a gente vai tão de repente
Tão de repente que não sente
Saudades do que já passou
Eu dou a volta, pulo o muro
Mergulho no escuro, salto de banda
Na minha vida ninguém manda não
Eu vou além desse sonho
Garota, eu vou pra Califórnia
Viver a vida sobre as ondas
Vou ser artista de cinema
O meu destino é ser star
Eh eh eh eh eh eh eh eh eh eh
A vida passa lentamente
E a gente vai tão de repente
Tão de repente que não sente
Saudades do que já passou
Eu dou a volta, pulo o muro
Mergulho no escuro, salto de banda
Na minha vida ninguém manda não
Eu vou além desse sonho
Garota, eu vou pra Califórnia
Viver a vida sobre as ondas
Vou ser artista de cinema
O meu destino é ser star
Eh eh eh eh eh eh eh eh eh eh

publicado por Sabores de Camila au pair às 18:57
Terça-feira, 15 de Março de 2011

Demorei mas, VOLTEI

Queridos, sinto que os desapontei. Me desculpem pelos quatro meses e pouco que nao estive por aqui. Vivi  neste periodo alguns dessabores que me fizeram perder a vontade de escrever. Nao queria me apresentar como uma chata, que so reclamava, lamentava... Pensei muito em voltar pra casa, no entanto, os acontecimentos me trouxeram pra California. Exatamente, estou na California!

 

Imaginem quantas novidades... Familia nova, criancas novas, estado novo, universidade nova...

 

Aos poucos, vou falar um pouco sobre o que aconteceu quando estive distante deste espaco e da vida no estado das estrelas americanas.

publicado por Sabores de Camila au pair às 11:56

pesquisar

 

arquivos

2011
2010

comentários recentes

mais sobre mim

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

subscrever feeds